14 de dez de 2012

Sou a que procura lacunas

Não perguntei de onde vinhas ou para onde irias,
Se tinhas muitas coisas, ou nada podias ter,
Só ousei um dia estar e entrar nas lacunas do teu ser.

Nenhum comentário:

Postar um comentário