27 de abr de 2008

Desabafo das duas partes (Jô e Nî) que amam

a Jorce

Hoje medem tudo, as cores, os odores, o amor...não amam simplesmente pelo fato de amar..."racionalizam" o amor.

a Nita
Amo você, mas quer saber??? *@#%-!$!

"A alma não existe senão pela esperança. A esperança é, talvez, o próprio tecido do qual nossa alma está formada." Gabriel Marcel
___________________________________________________

Poesia de um domingo contente

Já procurei no dicionário
frase com s? ou com z?
Já procurei no calendário
mês com acento? meses com z?

Só uma coisa sei certo: Amo você!

Já andei sem jeito
por errar o jeito certo de escrever,
escrevendo com g

Uma coisa eu não nego e sei escrever correto: Amo você!

Já errei um montão de verbos.
Já escrevi sobre o nada concreto.
Escrevi sobre coisas que só o espírito vê...

Mas sei muito bem escrever o que todos entendem: Amo você!

Já tentei buscar fora o que só encontro dentro.
Já procurei nas teorias, as causas do sofrimento
e encontrei em mim mesma a verdade do nada
do eterno momento; eu + você.

De um amor de uma parte, que se transforma em arte
que se completa no outro, mas que vive sem o outro

porque ocupa os espaços, preenchendo o vazio
Alma? Espírito? Alguém? Ninguém? Vida? Você????!!!
_____________________________________________________________

Deus criou a mulher. Fêmea as criou, e as criou belas e feias, direitas e tortas, brancas e negras...

Quem ele preferem???
_____________________________________________________________
Toda noite me derramo em lágrimas até transformar meu fogo em cinzas

e das cinzas do meu choro...,
papéis higiênicos inchados...,
olhos despedaçados,
renasce toda manhã uma bela Fênix
que dos recônditos da alma,
encontra novamente forças para viver,
e quem sabe transcender...


Algumas Respostas
A tempo descobri que somos autodestrutivos e estava tentando me destruir criando um amor ilusório... Esmiucei, acompanhei, questionei, perguntei, indaguei para mim mesma e descobri que ficar se magoando com alguém que não nos quer não leva a nada, de repente damo-nos conta que é somente um mecanismo de auto-destruição que usamos....

Nenhum comentário:

Postar um comentário