9 de nov de 2009

Sem título

Nasci e quando vagi, meu vagido não foi gravado
E tudo se perdeu no silêncio do firmamento
Foi o primeiro grito que dei, e não foi de alegria

Foi minha primeira dor, meu primeiro sofrimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário