4 de ago de 2009

Roube ¿

A frase abaixo foi roubada de tantos lugares que é quase domínio público!

Foi roubada de palestras, blogs, citações, livros e agora aqui, publico:

“Roube de qualquer lugar que resulte em inspiração ou incendeie sua imaginação.
Devore filmes, músicas, livros, pinturas, poemas, fotos, conversas, sonhos, árvores, arquitetura, placas de rua, luz e sombras.
Escolha para roubar apenas coisas que falem direto à sua alma. Se fizer isso, seu trabalho (e roubo) será autêntico.
A autenticidade é inestimável.
A originalidade não existe.
Não se dê ao trabalho de ocultar seu roubo.
Celebre-o se quiser.
Lembre-se o que Jean Luc Godard disse: “Não importa de onde você tira as coisas – importa é para onde você as leva."

Nenhum comentário:

Postar um comentário